Venda de Imóvel Rural - Ganho de Capital - Como Calcular?

Foi apresentado na última semana de outubro na Câmara dos Deputados o projeto de lei que propõe adiar em dois anos a entrada da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). A PL 5.762/19, de autoria do deputado Carlos Bezerra (MDB-MT), traz como argumento que apenas uma pequena parcela das instituições brasileiras iniciou o processo de adequação ao novo cenário jurídico.A argumentação tem como referência a pesquisa de agosto realizada pelo Serasa Experian, em que aponta que 85% das empresas afirmaram não estar prontas para a LGPD. Outra questão é a “morosidade” do Poder Executivo na instalação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), que coopera para que o sistema de regulamentação sobre as informações dos cidadãos seja eficiente.“Diante desse cenário, a PL pode ser positiva para as empresas”, é o que avalia o advogado Lucas Paglia, sócio da P&B Compliance, empresa especializada em consultoria, gerenciamento, análise e redução de riscos nos processos administrativos. “Trata-se de uma boa oportunidade para as empresas conseguirem se adequarem à LGPD e não sofrerem consequências caso não consigam se enquadrarem às regras, como multas e até mesmo perda de contratos”, avalia.De acordo com Paglia, o adiamento do vigor da lei poderá beneficiar principalmente às PMEs, já que muitas empresas desse porte ainda não iniciaram a adequação legal e, principalmente, técnica quanto à LGPD. “As PMEs possuem um conceito que envolve além do técnico, que se espelha no fator cultural interno delas, o que traz ainda mais atrasos para a adequação, assim como pelo desconhecimento da importância das novas regras”.Por outro lado, a PL pode ser negativa. Isso porque, existe a possiblidade de criar certa desconfiança e insegurança jurídica, por causa dos pensamentos de que o adiamento significa que a regra não seja relevante e que não terá força no mercado nacional, por não ser tratada de maneira efetiva. “É importante avaliar que as empresas poderão imaginar que não precisarão iniciar a movimentação de adequações necessárias, porque ainda não está bem definida e, com isso, será possível ocorrer outras prorrogações”.Paglia também diz que esses adiamentos relacionados à uma pauta tão importante, que trata sobre informações e transparência da sociedade, não é vista como positivo para o mercado e para a população.Segundo o especialista, é necessário medir por todos os ângulos a medida para não prejudicar um projeto tão importante de privacidade e que, principalmente envolva os negócios na economia brasileira. Para ele, é necessário um meio termo no processo, priorizando a conscientização que a lei necessita, mas não penalizando às empresas que já começaram a se adequar.Para o advogado, até o momento, a discussão tem se baseado muito nos aspectos teóricos. Mas, os práticos ainda não estão ocorrendo de maneira efetiva e nem cooperando com empresários e empreendedores que precisam de mais suporte do governo para se adequaram corretamente à LGPD.“Caso não ocorra o adiamento, todos os envolvidos devem estar atentos e não entrarem em desespero quanto à obrigação de adequação, já que há tempo para realizar as ações. No entanto, uma sugestão seria que a lei e as multas entrassem em vigor em 2021, para que, assim, todo o processo de adequação seja bem feito e sem possíveis erros”, argumenta Lucas Paglia.Artigo por: Lucas Paglia - sócio da P&B Compliance, advogado especialista em gerenciamento, mitigação e mapeamento de risco, pós-graduado em Compliance pela Fundação Getúlio Vargas e certificado pelo INSPER em Proteção de Dados & Privacidade. googletag.cmd.push(function() { googletag.display("div-gpt-ad-1355869586666-1"); }); Escrito Por Danielle Nader ver perfil enviar mensagem mais matérias

  • 14/11/2019 Contribuinte notificado pode regularizar débito de IPVA no site da Sefaz
  • 14/11/2019 Sefaz promove reunião de encerramento do exercício de 2019
  • 13/11/2019 Após TJBA condenar empresário, Sefaz lista 587 empresas por sonegação
  • 12/11/2019 Empresário é condenado por sonegar fisco estadual em mais de R$ 800 mil
  • 11/11/2019 Acessos ao portal de transparência do Estado crescem 282%
  • ..

  • Receita Federal localiza mais de uma tonelada de cocaína em carga de café no Porto de Santos
  • Empresário poderá realizar abertura de filiais em diferentes estados, diretamente na junta comercial da matriz, pagando taxa única
  • Apreensões de cocaína atingem marca histórica e já superam 47 toneladas em 2019
  • Receita abre consulta ao sexto lote de restituição do IRPF 2019
  • Receita Federal apreende mais de uma tonelada de cocaína somente no final de semana
  • ..

  • Nota de Falecimento
  • Curso Perícias Judiciais com 10% de desconto para profissionais registrados no CRCBA
  • CRCBA promoveu reunião com representantes de entidades parceiras
  • VII Encontro da Mulher Contabilista do Extremo Sul da Bahia – Eunápolis (30/05/2019)
  • Curso Lucro Real x Lucro Presumido – Santo Antônio de Jesus (24/05/2019)
  • ..

  • Presidente do CFC fala sobre a importância das organizações contábeis
  • 'Superou as expectativas', diz Fenacon sobre realização da 18ª Conescap
  • Press Clipping FENACON
  • 18ª Conescap é aberta em Vitória-ES
  • Conselho de representantes da Fenacon se reúne em Vitória-ES
  • ..

  • Congresso promulga Nova Previdência: confira as principais mudanças
  • Ação da Força-Tarefa prende uma pessoa em São Paulo (SP)
  • Duas pessoas são presas em flagrante em Teresina (PI)
  • Vagas para 2º seminário internacional de Previdência Complementar estão esgotadas
  • Perícia Médica Federal é tema de reunião do Conselho Nacional de Previdência
  • ..

  • Venda de Imóvel Rural - Ganho de Capital - Como Calcular?
  • Sefaz MT exige entrega do sped fiscal (efd) de produtor rural
  • Como se destacar em uma entrevista e conquistar a sonhada vaga de emprego?
  • O que acontecerá com a Contabilidade num futuro próximo?
  • Tecnologia e home office: os grandes aliados do trabalho no século 21
  • ..
    NOTÍCIAS

    FOTOS




    ALGUNS DOS NOSSOS CLIENTES...

    Conheça nossa Equipe

    • LUCAS DE ALMEIDA SILVA
    • LORENA DA SILVA SANTOS
    • VANIA ALVES DA SILVA
    • CICERO RIBEIRO DE ALMEIDA NETO

    INFORMAÇÕES



    COMO CHEGAR
    Veja mais...

    Visitas (152998), Online agora (5)
    Astecol Assessoria Contábil LTDA
    Praça Austricliano de Carvalho nº 50 - Centro
    Senhor do Bonfim, BA, CEP: 44790-000 - (74) 3541.3507/3794

    WebMaster e Design: Isomi Luiz da Silva